VOCÊ GASTRÔ

Mercado das Tulhas: um passeio pela cultura de São Luís

Um dos pontos turísticos mais visitados de São Luís, o Mercado das Tulhas oferece variedade e tradição nos sabores

Para muitos, a comida boa de verdade tem que ter o sabor caseiro e simplicidade. Buscando essa combinação, maranhenses e turistas optam por fazer uma refeição na tradicional e atrativa Casa das Tulhas ou Mercado da Praia Grande, no Centro Histórico de São Luís.

O médico veterinário Macony Matos, por exemplo, sempre que pode, visita o local. Além de apreciar a atmosfera do mercado, tem a gastronomia como um dos principais atrativos.

“Normalmente durante a semana, quando tenho atividades aqui no Centro, eu procuro uma comida mais caseira e a Casa das Tulhas tem esse alimento mais fácil, caseiro, sem aquele gosto industrializado. O ambiente também é aconchegante e tranquilo, atraindo a gente pra cá, junto com a variedade de sabores”, acrescenta.

A secretária Auriceia Bastos não visita com frequência o mercado, mas quando vai não deixa de experimentar algo. “A comida caseira em si é muito gostosa e, quando venho a passei, gosto de provar um pouco do que é oferecido”. Há seis anos trabalhando em um dos pontos turísticos mais visitados da cidade, a cozinheira Lurdine Matos tem prazer em fazer um cardápio com carnes, frango, peixes e camarão no Esquina do Reggae, tudo com jeitinho modesto do maranhense, mas com um tempero que fica na memória. As refeições têm na maioria das vezes o mesmo acompanhamento, e os valores variam de acordo com a proteína escolhida.

“Eu gosto muito de trabalhar com o público e deu certo e estou aqui até hoje. Sempre procuro variar os pratos, já que não temos um cardápio fixo. Tem gente que vem comer aqui todos os dias, os turistas até anotam o meu nome e do quiosque para recomendar”, conta Lurdine.

Da terra

Ao fazer um breve passeio pela construção que data do século XIX, que devido ao formato quadrilátero se tornou um ótimo local para a implantação da feira, é possível ver um leque de produtos típicos, oriundos de diversas cidades do interior do Maranhão.

Alguns dos vários tipos de farinhas que estão entre as opções mais procuradas vêm de cidades como Pinheiro. Boa parte do apreciado camarão seco é comprada de fornecedores de Tutoia e Turiaçu e revendida no mercado. As cachaças com sabor forte têm origens diferentes como Santo Antônio dos Lopes, Santa Quitéria e Barreirinhas. Sem deixar de falar do doce de espécie de Alcântara, entre vários outros produtos que são oferecidos e só de olhar já dão água na boca.

Valter Cantanhede, sempre que pode, almoça no tradicional mercado e ainda compra algumas iguarias disponíveis para apreciar em casa. “Sempre que posso, gosto de visitar e comer por aqui, pois é uma comida tradicional e muito gostosa. E antes de sair ainda compro algo e levo para casa, por exemplo, estou comprando as castanhas de caju.

O mineiro Franklin Neto, já na primeira visita a São Luís, não pôde deixar de ir à feira do Centro Histórico e garantir alguns itens. “É bastante interessante porque a diversidade aqui é muito grande. Estou levando uns produtos que são originais que a gente encontra lá, mas o diferencial é comprar na fonte, no local de origem, como a farinha de tapioca para bolo e a farinha para comer com açaí”, pontua.

Veja também

Edições Impressas Confira nossas publicações Ver Mais
Mais Populares As mais visitadas do nosso site Ver Mais