PROVAMOS

Culinária italiana em São Luís

O espaço e receitas são de uma tradicional cantina italiana. No cardápio, pratos como pastas, pizzas e entradas que refletem peculiaridades dessa famosa gastronomia

Ao pensar em cozinha italiana, é difícil deixar de surgir na mente as pizzas fininhas e crocantes, ou as macarronadas com molhos artesanais e concentrados. Se você é apreciador desse tipo de comida, saiba que o empório e restaurante L’Italia In Tavola é o endereço sugerido. O estabelecimento fica na Avenida dos Holandeses, Ponta d’Areia, e está aberto a pouco mais de nove meses. Seja pelo pouco tempo em funcionamento, ou por ser comandado por uma família italiana, o restaurante, visitado pela segunda vez, ainda mantém o ar aconchegante e modesto, o que de cara já deixa até os mais exigentes confortáveis e à vontade. Afinal, é a primeira impressão que, geralmente, chama a atenção ao se chegar a um ambiente.

Para esta avaliação do Você, Gastrô, resolvemos ir ao local à noite, dispostos a jantar. A visita também foi necessária para avaliarmos os pontos fortes e fracos, sem críticas, apenas para orientar aqueles que pretendem ainda conhecer o espaço.

Critérios de avaliação

No geral

L’Italia In Tavola é um bom restaurante, valoriza as massas frescas e molhos artesanais e mantém o padrão dos pratos servidos, o que é importante, já que quem vai ao local pela segunda vez quer ver a qualidade e sabor da primeira visita. A carta de vinhos é modesta em relação a outros restaurantes da cidade, mas as sugestões são de qualidade e a maioria contém rótulos importados, italianos. Os sucos de frutas naturais não são feitos na hora. Isso, para alguns clientes, pode ser considerado um ponto negativo. O espaço é pequeno, deve-se chegar cedo, principalmente aos fins de semana, para garantir uma mesa, mas o movimento é rotativo, já que o pedido não demora a ser servido.

O acesso

O restaurante está localizado em uma via paralela à Avenida dos Holandeses (Número 14, no Edifício Century Multiempresarial). Durante o dia, o estacionamento é concorrido, mas à noite é tranquilo, há vagas na frente do estabelecimento e no outro lado da rua. É interessante levar algumas moedas, para agradar o flanelinha.

O preço

Fique tranquilo. O ambiente modesto tem preços acessíveis, não é tão barato, mas não chega a ser caro, se considerarmos a qualidade dos pratos. Para iniciar o jantar, pedimos o Panzerotto (R$ 6), uma pizza Capricciosa (R$ 49, 90) e dois sucos de maracujá. Os vinhos têm bons preços, que variam entre R$ 55 a mais de R$ 300. A conta ficou em pouco mais de R$ 80, por causa dos 10%.

Ambiente

Como dito acima, o local é modesto e confortável. Há opção de sentar nas mesas postas do lado de fora, ou dentro do restaurante. Logo na entrada, é possível ter acesso ao empório, onde estão diferentes tipos de pães e queijos italianos. A adega fica na lateral, quase na frente do salão principal. Os tons creme e vinho predominam, a cozinha é isolada, por isso, não há risco de sentir qualquer tipo de aroma forte das preparações.

Atendimento

Em relação ao atendimento, ficou uma boa impressão. Direcionamo-nos à mesa e, em seguida, o garçom, com simpatia, entregou-nos os cardápios e nos ajudou na escolha do prato. Sempre atentos, bastava um olhar para que chegassem junto à mesa. Na ocasião, não havia canudos para sucos, mas o garçom sugeriu outro tipo, caso quiséssemos, o que demostra preocupação. Ao entregar a conta, ele já veio com a máquina, não sendo necessária a solicitação desta.

O prato

O local é indicado para quem quer experimentar algo tradicional da cozinha italiana. As entradas e pratos principais são fartos e muito saborosos. Na entrada, o Panzerotto foi a escolha. Prato típico italiano que, de cara, parece um pastel, por causa do formato, mas tem uma massa bem diferente. A crocância, que não é percebida logo de cara, surpreende na primeira mordida. O recheio escolhido foi: salame, azeitonas, muçarela, tomate e cogumelos. Como prato principal, escolhemos a pizza tipo Capricciosa, com uma massa fina e sequinha, coberta com recheio na medida, sem exageros, que leva tomate, orégano, muçarela, azeitonas, cogumelos e um suculento presunto de Parma, cortado em tiras.
Um local que vale a pena conhecer e apreciar cada diferente sugestão do cardápio.

 

Veja também

Edições Impressas Confira nossas publicações Ver Mais
Mais Populares As mais visitadas do nosso site Ver Mais